Prefeitura de Frutal e Câmara se unem para criar o Auxílio Transporte para os universitários que estudam em Barretos e Rio Preto

Educação em 12 de abril, 2022 14h04m
Facebook Twitter Whatsapp

Apesar de a legislação brasileira ser muito clara em afirmar que o transporte escolar de universitários não é de responsabilidade dos Executivos Municipais, a gestão do prefeito Bruno sempre tratou esse tema com muita seriedade, buscando sempre o diálogo com os universitários frutalenses e criando ferramentas para que o transporte oferecido fosse o mais pontual e confortável possível.

Além disso, desde o início desse ano a Prefeitura de Frutal está custeando o transporte dos universitários que moram na nossa cidade mais precisam se deslocar de segunda a sexta-feira para as cidades de São José do Rio Preto e Barretos em busca do tão sonhado diploma do Ensino Superior.

Contudo, a Prefeitura não dispõe de recursos financeiros para custear esse transporte ininterruptamente, por isso o Executivo e a Câmara de Vereadores firmaram uma parceria que irá funcionar da seguinte maneira: a Prefeitura irá custear, mensalmente, 203 mil reais valor referente ao aluguel de todos os ônibus que realizam o transporte dos estudantes universitários, enquanto a Câmara irá repassar um valor mensal para cobrir parte dos gastos com os combustíveis utilizados por esses veículos.

O estudante receberá esse auxílio todos os meses, para isso basta que ele faça um cadastro na Secretaria de Assistência Social, mas para que o auxílio comece a beneficiar os universitários é preciso primeiro que a lei seja aprovada pela Câmara de Vereadores. “A Procuradoria da Prefeitura já está finalizando a elaboração do projeto e em breve tenho certeza que ele será votado e aprovado por essa Casa de Leis. A nossa expectativa é que em maio esse Auxílio Transporte já esteja sendo pago”, destacou o prefeito Bruno Augusto durante a apresentação do projeto que aconteceu na tarde desta segunda-feira no plenário do Legislativo frutalense.

Publicidade

Ainda segundo o prefeito Bruno, durante anos os universitários frutalenses sofreram com a precariedade dos ônibus. “Nessa licitação que acabamos de finalizar na qual foi escolhida a empresa que ficará responsável por esse translado para Barretos e Rio Preto deixamos especificado que só iremos aceitar veículos novos e em boas condições”.

Depois que a lei for aprovada e os universitários tiverem efetuado o cadastro na Secretaria de Assistência Social, eles irão receber valores mensais que irão variar de acordo com o local onde estudante mora e em qual cidade ele estuda. “Por exemplo, o estudante que mora em Frutal e estuda em Barretos vai receber 140 reais, assim como o universitário que reside em Aparecida de Minas e cursa a universidade em Rio Preto. Já o estudante que mora em Frutal e estuda em Rio Preto terá direito a um auxílio no valor de 160 reais”.

Isabella Viera, representante dos estudantes que viajam para Rio Preto, disse que a classe saiu muito satisfeita do encontro desta segunda-feira. “Atualmente, é a Prefeitura que custeia o translado, contudo, a projeção é que cada estudante teria de pagar em média 385 reais por mês só para custar o combustível, esse auxílio irá diminuir esse gasto e nos ajudar muito”

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp