Reunião entidades de proteção animal definiu a criação do Centro de Acolhimento Transitório de Animais

Causa Animal em 30 de abril, 2021 17h04m
Facebook Twitter Whatsapp

Servidores do Centro de Controle de Zoonoses se reuniram nessa quarta-feira, 28, com representantes de entidades de proteção a animais de Frutal com o intuito de estreitar ainda mais os laços. Representantes de lares temporários estiveram no órgão representado pelo médico veterinário Hebert Martins Ferreira.

Nessa reunião, o diretor do CCZ reafirmou a importância da parceria entre as entidades. “Nós chamamos os representantes desses lares temporários e apresentamos um novo projeto que planejamos, juntamente com o Marlon Bardauil, para que nossa prestação de serviços seja mais eficiente em relação a esses lares”.

O médico veterinário Hebert Martins ainda destacou que “nós conversamos muito sobre as demandas maiores que existem e quais são nossas possibilidades. Porque essas pessoas atendem muitos animais que podiam estar nas ruas, mas estão sendo cuidadas por elas com muito carinho. Assim, são pessoas que necessitam mais de ajuda”.

Ele informou que no CCZ foi criado um cadastro de moradores da nossa cidade que atuam como protetores de animais no município. “Assim, nós cadastramos todas essas pessoas que possuem lares temporários para que possamos dar maior suporte nesse trabalho que elas têm executado. Dessa forma, criamos o CATA (Centro de Acolhimento Transitório de Animais). Então, essa será uma forma que encontramos de nos unirmos em torno da causa animal em nossa cidade”.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp