Administração Sérgio Coxa presta contas e comprova que pagou mais de R$10 milhões da dívida herdada

Política em 18 de dezembro, 2021 13h12m
Facebook Twitter Whatsapp

Na noite da última quinta-feira (16) de dezembro foi realizada no auditório da Escola ABC, na cidade de Fronteira-MG, a Prestação de Contas 2021, referente aos primeiros 12 meses de governo da administração do prefeito Sergio Coxa e seu vice Leandro Pineis, onde esteve presente seus secretariados, autoridades e os vereadores Dunga, Moisés e Baianinho.

Dando início o secretário de Administração, Daniel Fonseca usou da palavra e conduziu a prestação de contas onde apresentou de forma simples o antes e depois da Prefeitura Municipal de Fronteira, o qual já traz uma grande melhoria no município e com destaque para grande economia feita nos cofres públicos. Isto, graças ao planejamento e as metas que foram colocadas no início do mandato, para garantir o equilíbrio financeiro do Município, sendo o principal objetivo chegar ao final do governo com 100% do Plano de Governo executado.

A primeira meta do governo no mês de janeiro foi acabar com os alugueis desnecessários, assim preparando e reformando os prédios públicos para dar condições de trabalho as equipes, onde nestes prédios não existia sequer banheiros em funcionamento e ar-condicionado nas salas para o uso dos funcionários. Daniel ainda falou sobre o leilão que foi realizado pela Prefeitura Municipal de carros antigos, onde com isto a prefeitura adquiriu 10 carros 0Km e 01 ambulância 0Km e, agora com a frota nova diminuirá as despesas de manutenção, trazendo economia a prefeitura.

O secretario prestou contas também da construção de casas populares onde já foi entregue uma e no próximo sábado (18) irá ser entregue mais uma casa, para uma moradora também do bairro Vila Reis e ainda falou que já tem uma licitação de 36 casas populares para o ano de 2022, para atender as pessoas mais carentes do município. Além, das melhorias na área da saúde, assistência social, obras, esporte e transportes, dentre outros projetos e ações que dentro destes 12 meses já foram realizados e vem beneficiando a vida da população fronteirense.

Publicidade

Ainda no ano de 2021, a Prefeitura Municipal reformou o Hospital Municipal, onde melhorou toda a recepção do hospital, local que estava todo deteriorado, sendo feito ainda a limpeza e raspagem de todo o piso do hospital, pinturas e a instalação do gerador a diesel, o qual já está funcionando assim não precisando de passar por momentos de sufoco em caso de falta de energia dentro do hospital.

Daniel mostrou uma dívida herdada da administração anterior, de mais R$18 milhões de reais, da qual a administração Sergio Coxa já pagou mais de R$10 milhões; isto em apenas 12 meses. Vale destacar que esta administração já conquistou cerca de R$6 milhões de reais, de emendas parlamentares dos deputados e com as economias realizadas pela atual gestão, Fronteira deverá iniciar o ano, com cerca de R$4 milhões de reais para investir da forma correta em 2022.

Por sua vez, o prefeito Sergio Coxa relembrou que conseguiu retomar as obras do Veraneio, proporcionando lazer para as famílias que não tem acesso aos condomínios fechados, a construção da Subestação da CEMIG, que agora ficou comprometida junta a estatal. “Graças a Deus conseguimos retomar as sonhadas obras do Veraneio e agora no finalzinho conseguimos o compromisso de resolver este problema da CEMIG, da falta de energia que sacrifica o nosso Município e não permite que investidores tragam suas empresas e indústrias para o Município e, certamente agora teremos uma solução para este problema e, fizemos uma grande obra Social, que é a Casa de Apoio de Uberaba, que garante um local adequado e confortável para os pacientes ficarem depois ou antes de passar por um atendimento médico ou tratamento”, atestou o prefeito de Fronteira.

Coxa ainda atestou a situação caótica que recebeu o município, mas isto foi necessário para que a população entendesse que é necessário tomar decisões com consciência, para que garantir que se tenha muita responsabilidade com o dinheiro público.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp