AES Brasil lança plataforma digital Energia+

Desenvolvimento em 30 de novembro, 2020 11h11m
Facebook Twitter Whatsapp

Iniciativa busca oferecer às pequenas e médias empresas uma experiência completa, simplificando o processo de migração para o mercado livre

Atuando no Brasil há mais de 20 anos, a AES Tietê agora passa a se chamar AES Brasil, com nova marca sendo lançada no País, ao mesmo tempo em que reforça seu posicionamento e sua estratégia empresarial, e lança a plataforma digital Energia+. Com a iniciativa, a empresa busca se consolidar como a primeira opção para o mercado livre de energia, em um ambiente de comercialização desenvolvido, em colaboração com parceiros, para simplificar o processo de migração de pequenas e médias empresas para o Ambiente de Contratação Livre (ACL).
“Em meio a uma sociedade que busca ser cada vez mais responsável com o Planeta, a AES Brasil se apresenta como uma plataforma integrada que, em conjunto com clientes e demais parceiros da cadeia de valor, irá ampliar e simplificar o acesso e o consumo inteligente de energia 100% renovável no País”, afirma Ítalo Freitas, CEO da AES Brasil.
De acordo com Rogério Jorge, diretor de Relacionamento com o Cliente da AES Brasil, a Energia+ surge como a solução ideal uma vez que tem por finalidade principal oferecer uma experiência completa aos pequenos e médios consumidores corporativos. “Nossa plataforma conta com tecnologia de ponta e uma rede de parceiros que nos permitirá atender prontamente às necessidades específicas deste público. Outro diferencial está no know how da equipe. Nós temos todo o conhecimento de distribuição adquirido em anos de atuação no mercado de varejo, enquanto grupo que englobava também, o que nos permite entender os detalhes da migração e, principalmente, facilitar todo o processo que costuma ser muito moroso”, explica o executivo, enfatizando que a Companhia, além de tudo, tem a seu favor a atuação em geração de energia. “Nós temos o produto, energia proveniente de fontes renováveis, um diferencial que nos torna ainda mais competitivos”.
 
Um novo perfil no mercado livre
Segundo o diretor, existem hoje no mercado livre cerca de 16 mil unidades consumidoras que consomem acima de 400 MWh/mês. Este é um perfil de consumidor considerado típico de um mercado de atacado. Por outro lado, estima-se que há entre 15 a 20 mil unidades consumidoras que estão atualmente aptas a migrar para o ambiente livre de contratação, mas ainda se encontram no mercado regulado. Considerando a abertura de mercado, que ocorrerá nos próximos anos, este número deve saltar para mais de 190 mil unidades consumidoras. Este novo perfil de consumidor, com consumo acima de 20 MWh/mês, já pode ser caracterizado como um mercado de varejo. “Para este usuário, não é simplesmente desenvolver uma plataforma digital para comercializar energia, mas sim agregar valor ao cliente. É fundamental para acessar este público um canal digital que permita atendimento em escala, padronização, contratação simples, com produtos e condições diferenciados”, diz Rogério.
 
Novos produtos
A fim de atender as necessidades específicas das PMEs, a AES Brasil oferecerá dois tipos de produtos: preço fixo, sem exposição aos reajustes tarifários e à bandeira tarifária das Distribuidoras, o que garantirá previsibilidade ao consumidor, e o desconto fixo, que gira em torno de 15% em cima do valor pago à Distribuidora atual, permitindo uma economia garantida real.
“O contrato terá características totalmente diferentes. Serão mais curtos com prazo de dois, três e cinco anos, com 100% de flexibilidade do produto contratado. Além disso, ofereceremos consultoria customizada a fim de definirmos a melhor forma de contratação, com base no consumo dos últimos 12 meses”, conclui Rogério.
 
Cadeia de Valor - o ecossistema da plataforma Energia+
O investimento na plataforma foi pequeno, visto que a AES Brasil já possui toda a estrutura para montar uma robusta cadeia de valor. “Nós já temos os sistemas de faturamento, gerenciamento de riscos, atendimento e o que não tínhamos internamente firmamos importantes parcerias, que certamente nos ajudarão a oferecer ao usuário uma experiência ágil e agradável”.
A plataforma tem um forte apelo colaborativo e reúne, por meio de acordos com parceiros de negócios, diversos serviços que trazem um diferencial competitivo para nossos clientes. São parceiros financeiros para linhas de crédito, parceiros tecnológicos para uma melhor gestão de energia, e parceiros de engenharia para auxiliar nas adequações de cabine. Além disso, a AES Brasil já conta com outros sistemas que contribuirão para que a Energia+ seja a primeira opção do usuário no mercado livre.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp