Secretária de Saúde faz um apelo para que população leve a sério a nova onda do Covid-19

Covid-19 em 22 de fevereiro, 2021 11h02m
Facebook Twitter Whatsapp

Nossa equipe de reportagens esteve na última quinta-feira (18/02) em Comendador Gomes e conversou com a Secretária de Saúde Maria Cristina Nunes para saber como está o enfrentamento à Covid 19, no município. “É um prazer falar com vocês do Jornal da Cidade e hoje de acordo com o nosso boletim nós temos 14 casos positivos e mais 13 em isolamento, aguardando o resultado do exame. Atualmente temos o nosso decreto municipal onde informamos ao cidadão as dificuldades e os perigos dessa pandemia, informamos o porquê de regras mais duras, temos 04 fiscais que estão em atividade 24 horas para fiscalizar a questão do comércio, uso de máscara na rua e aglomerações”, explica.
Segundo a Secretária Maria Cristina falta a união e o entendimento da população. “Não estamos conseguindo fazer com que a população se conscientize e faça sua parte, essa é a parte mais difícil de tudo, porém em nosso município graças a Deus estamos desenvolvendo um trabalho com os nossos médicos no Centro de Saúde, que é pegar as pessoas ainda nós primeiros sintomas que são as síndromes gripais e já entramos com a medicação e estamos tendo êxito sendo muito difícil pedirmos um leito, às vezes acontece de ir, mas a maioria é resolvido aqui no município mesmo, mas estamos em um momento muito significativo, nós até estamos fazendo a ação informativa com o carro de som, usamos as redes sociais para tentar fazer com que a população colabore, porque sozinho não se consegue, falamos aqui com vocês que tem uma credibilidade muito grande tanto aqui, quanto na região para que nossa gente ouça nosso apelo e leve a sério essa nova onda, porque não é brincadeira o que está acontecendo, porque na primeira onda que veio nós fizemos toda a parte de educação e de informação e esta mesma população entendeu e nos ajudou e, agora a doença foi banalizada e a população pensa que não vai ser contamina e, é essa á a pior parte”, afirma Cristina.  
Segundo a secretária, a população tem que lembrar que não é apenas o Covid-19 que traz preocupações, existem as doenças e síndromes que já estavam aqui e continuam, e um bom exemplo disso é a Dengue, que está aí na região e tem lugares que a proliferação é bastante crítica. “Este trabalho já está sendo feito com os nossos fiscais de endemias, eles continuam fazendo as visitas e observando os pontos estratégicos e graças a Deus, até o momento não apareceu nenhum caso de Dengue e nós estamos programando para os próximos dias o nosso mutirão. Estamos aguardando a nossa caminhonete ficar pronta para realizarmos o Fumacê, em toda a cidade, minha preocupação é juntar os dois Dengue e Covid-19, até porque os primeiros sintomas são parecidos como febre, dor no corpo e outros mais e pode ocorrer da pessoa achar que está com Dengue mas está com Covid-19, ou estar com Covid-19 e achar que está com Dengue, isso é muito preocupante”, pontua.
Aproveitando o momento a Secretária de Saúde Maria Cristina fez um apelo à população. “Eu aproveito a oportunidade falando ao Jornal da Cidade para fazer um apelo a nossa população, pedir que nos ajude a cumprir o decreto, parem com as festas escondidas, parem com essas aglomerações em casa e, eu peço encarecidamente esse não é o momento, se for ao mercado que vá apenas um membro da família, se for ao banco que também vá só um, evite aglomerações em espaços públicos, lembre-se é obrigatório o uso de máscara em espaços comerciais e públicos, assim como na rua, vamos nos ajudar e vamos conscientizar cada um, porque nós temos medo hoje de precisar de algum leito ou precisar entubar alguém e não ter condições, esse é um apelo pela vida, ajudem no cumprimento do decreto e que cada um faça a sua parte como cidadão de bem, porque se cada um fizer a sua parte venceremos esse monstro que já nos levou tantas vidas embora”, encerrou.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp